22 de Março de 2018

O empoderamento do usuário final é essencial para que um projeto tenha mais sinergia, que a marca dialogue melhor com seu público-alvo e atinja os objetivos esperados. Neste artigo iremos abordar um case de sucesso de empoderamento de usuário final, possibilitado pela parceria entre Tableau, Five Acts e Magazine Luiza para melhoria de BI.

O Projeto

O projeto de BI no Magazine Luiza foi iniciado em 2013, com um desafio de buscar um BI disruptivo, que integrasse dois aspectos: a inovação e a colaboração dentro da empresa.

Esse foi um desafio enorme por ser uma estratégia específica da empresa e que não tinha comparativo ainda no mercado.

A empresa possuía ferramentas básicas de BI, tradicionalmente utilizadas pelo mercado, tendo o Excel como a ferramenta de obtenção de dados, o que impactava direta e negativamente em decisões operacionais e estratégicas.

Usava-se um modelo padrão de demanda pelas áreas de negócio para TI, que efetuava o desenvolvimento das demandas e disponibilizava os resultados para as áreas demandantes.

Esse processo gerava filas e tempo de espera que a empresa não possuía e se buscou uma nova alternativa, que contemplasse os aspectos que são metas do Magazine Luiza: a inovação e a colaboração.

Definição do fornecedor de BI

A procura no mercado de empresas que tivessem este tipo de filosofia de trabalho foi intensa e demandou muito esforço. Foram identificadas algumas opções que não tinham a concepção desejada e outras que implantariam ferramentas tradicionais de BI, porém não se enquadravam nas necessidades da empresa.

A Tableau foi identificada na lista das empresas top do Gartner, referência em identificação de soluções de BI e ferramentas de gestão.

Ao efetuar a avaliação do produto, a Tableau foi prontamente identificada como sendo a empresa ideal para atender as necessidades do Magazine Luiza, por ter demonstrado possuir um produto conciso e voltado ao usuário final. E além disso, tendo grande aderência ao fator de inovação.

Cabe destacar que o modelo da Magazine Luiza estabeleceu que a definição de compra seria da área usuária e não de TI e, dessa forma, optou-se pela Tableau.

Desenvolvimento

O projeto se iniciou dentro de TI, tendo como objetivo atingir a realidade do mercado de varejo que possui uma dinâmica de negócios muito voltada a resultados rápidos, que precisam gerar insights para as áreas de negócios, visando dar suporte as ações e aos planos de negócios.

A visão da empresa foi dar poder ao usuário para ter na prática um self-service de BI, com o objetivo de dar autonomia para gerar e disponibilizar suas informações.

Estas definições foram bem executadas e permitiram que as próprias POCs (Proofs of Concept) realizadas no inicio do trabalho já servissem para a área de negócios.

Com base em forte atuação da consultoria Tableau (Five Acts), em 3 semanas, no máximo, todas as máquinas da empresa já possuíam as versões Tableau e estavam disponíveis para uso pelas respectivas áreas.

Resultados obtidos com Tableau

Tableau encontra-se totalmente consolidado na empresa, tendo iniciado com a priorização de algumas áreas foi se expandindo e conquistando as demais operações, sendo uma valiosa ferramenta de BI para o Magazine Luiza.

Inicialmente, as áreas de planejamento de vendas e comercial foram priorizadas por ser as que representavam as áreas de frente e vêm trabalhando ativamente com foco nas compras, quotas e vendas.

Posteriormente, as áreas de logística e marketing foram treinadas e passaram a usar o Tableau.

Com isso, foram otimizadas campanhas e resultados de vendas de forma online, sem qualquer delay de dados, em tempo real ou muito próximo do momento em que ocorreram.

A empresa investia de 2 a 3 dias para ter as informações e passou a obter seus dados em questão de horas. Isso é fundamental para se manter no mercado de varejo, por exigir respostas rápidas e agilidade nas projeções e análise de dados antes da concorrência e obtermos um diferencial de negócio na prática de condições de vendas.

Tal processo permitiu que fosse atendido um dos preceitos básicos do Magazine Luiza: nunca acompanhar a concorrência, mas sim, estar à frente dela. E o Tableau permitiu atender a essa premissa!

Considerações finais

Esse é mais um case de sucesso com a ferramenta Tableau e novamente em uma grande empresa de Varejo, a Magazine Luiza.

 

Siga este grande exemplo de sucesso, comece entrando em contato conosco!

 

 

 

INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER